01 setembro 2021

Lions de Rio Preto participam da campanha Óleo do Bem

  

1 litro de óleo pode poluir 25.000 litros de água potável

Os dois clubes de Lions Clube de São José do Rio Preto – Centro e Sul -- estarão participando da Campanha Óleo do Bem. O objetivo é conscientizar a população sobre o descarte correto do óleo de cozinha.

A iniciativa da campanha surgiu de uma parceria entre a TV Tem, o Instituto Triângulo e a Cerol Óleo Vegetal. A campanha conta com apoio das secretarias de Educação e de Meio Ambiente e Urbanismo, Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), da Acirp (Associação Comercial e Industrial de Rio Preto) e do Lions Clube.

A campanha do recolhimento do óleo usado de cozinha já era realizada há mais de 10 anos em 28 cidades abrangidas pelo Distrito LC-6 do Lions Clube Internacional. Durante esse período o Lions coletou cerca de 50.000 litros de óleo usado de cozinha, por meio de parceria com a empresa Brejeiro, que embala arroz e produz óleo refinado de soja.  

A campanha desenvolvida pelo Lions envolve crianças, jovens e todas as pessoas da comunidade sob o contexto da preservação à vida e diminuição da fome. Na campanha Óleo do Bem desenvolvida pela TV Tem cada litro de óleo usado será trocada por duas barras de sabão para lavar roupas.

Contaminação do lençol freático

Óleo de fritura quando chega no rio contamina toda a água ao redor

Um litro de óleo de fritura contamina, segundo técnicos do Ministério do Meio Ambiente, 25 mil litros de água potável, causando diversos estragos provocado pelo engorduramento das águas e alteração de sua vegetação ao redor dos rios.

O descarte do óleo de cozinha usado na pia é um grande vilão e problema para o meio ambiente. Quando isso acontece, o óleo contamina e degrada todos os locais por onde passa.

Primeiro, entope os encanamentos residenciais ao grudar nas paredes das tubulações e reter restos de alimentos, o que atrai ratos e baratas para as residências e estabelecimentos comerciais. Em seguida, o óleo chega à rede pública de esgoto causando entupimentos em maiores proporções e gerando ainda mais transtornos e proliferação de vetores.

Para desentupir os encanamentos são necessárias substâncias altamente tóxicas, como soda caustica e solventes, que além de encarecer o processo de tratamento da água, causam danos ao meio ambiente. Na semana passada, o jornalista Nelson Gonçalves, da Folha do Povo, sentiu no bolso, o dinheiro gasto para desentupir a pia da cozinha da sua residência.

“Primeiro tentamos desentupir com arame, com soda caustica e produtos químicos fortíssimos e nada adiantou”, observa. “Depois retiramos o sifão debaixo da pia e também nada adiantou, o ralo continuava entupido. Como não tinha jeito, a solução foi chamar uma empresa especializada em desentupimento que nos cobrou quantia bastante elevada pelo serviço”.

 Drive-thru

 O Lions Clube deverá promover ainda neste mês de setembro um mutirão para recolher óleo usado de cozinha. Segundo presidente do Lions Clube Centro, Mauro César Marques, ele deverá reunir-se, ainda nesta semana, com sua diretoria para definir a data. “Provavelmente faremos isso na semana do Dia da Árvore, até para conscientizar a população que cada litro de óleo usado recolhido são dezenas de árvores salvas de serem mortas”. Claudecir Gonçalves, presidente do Lions Clube Sul, afirma que os leões e domadoras estarão sempre engajados em tudo aquilo que for benéfico ao meio ambiente.

A poluição nos rios, causada pelo despejo de óleo usado de cozinha e outros tipos de líquidos engordurantes, pode causar o desmatamento em grande escala. Isto porque nos rios, o óleo forma uma camada impermeabilizante na superfície da água que impede a passagem da luz do sol, comprometendo o oxigênio existente e causando a morte de peixes e da vegetação aquática.

O governador do Lions na região, Glauber Gomes da Silva, é um dos principais incentivadores para essa campanha que preserva o meio ambiente. Ele lamenta, no entanto, que as campanhas de conscientização e recolhimento de óleo usado de cozinha esteja presente em poucas cidades do país. “A maioria dos brasileiros, ainda que conscientes do problema, não tem como fazer o descarte correto”.

Folder da campanha Óleo do Bem idealizada pela TV Tem




Olhudinho é o mascote da campanha Óleo do Bem.

Assista o vídeo promocional da campanha:


0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››