18 agosto 2021

Vacina começa a surtir efeito e cai número de mortes de idosos por covid

 

 

 

Com quase 100% dos idosos vacinados começa a cair os índices de mortes por covid na região de Rio Preto

Queda na média geral de mortes por covid-19, desaceleração nas internações e diminuição de óbitos entre os idosos. Esse é o quadro geral no Brasil depois de cinco meses e meio do início da vacinação. Embora em ritmo lento e gradativo de acordo com a idade, a vacinação começa a surtir efeitos e apontar indícios de que é o caminho certo para as pessoas se prevenirem da doença.

Até a última segunda-feira, dia 16, o Brasil havia imunizado 51,2 milhões de pessoas (24,3%) com as duas doses ou dose única. E 168 milhões (56%) com a primeira dose.

São Paulo é um dos estados que mais vacinou a sua população. Segundo o governo, 91,15% da população com mais de 18 anos está vacinada com pelo menos uma dose contra o coronavírus. Com relação à população em geral, o Estado paulista atingiu o índice de 69,62%, ultrapassando os índices de vacinação no Reino Unido e de diversos países europeus. No Reino Unido o índice de vacinação a pessoas com mais de 18 anos era de 89% no começo da semana.

Os dados são do vacinômetro e do World in Data, que podem ser facilmente conferidos pela internet nos sites do governo paulista e de diversos veículos de comunicação.

Região

Na região o índice de vacinação é alto e pode ser conferido no gráfico acima, bem como a quantidade de casos e de mortes desde o início da pandemia. Adolfo e Ubarana foram as cidades que registraram a menor quantidade de óbitos durante a pandemia. Cada uma contabilizou 18 mortes. Em número de casos, desde quando começou a pandemia, Sales foi a cidade que registrou menos casos: 489.

 

Médicos e pesquisadores alertam, no entanto, que a pandemia ainda está longe de acabar. Ao comparar os óbitos da pandemia no ano passado, antes do início da imunização, em 17 de janeiro, com os deste ano, vê-se uma redução progressiva da participação dos grupos protegidos no percentual de mortes. Os idosos, quase todos vacinados, estão morrendo menos por covid. No entanto a doença tem vitimado pessoas mais jovens agora.

 

Em junho de 2020, idosos com 60 anos ou mais somavam 77% dos óbitos por covid-19. A faixa etária mais atingida era dos 70 a 79 anos, com uma a cada quatro mortes (25,5%). Em junho deste ano, a pirâmide desceu. As faixas de 60 anos ou mais tornaram-se minoria (45,7%). O intervalo de idade com mais registros mudou, então, para 50 a 59 anos, que ainda estava em processo de vacinação, com 27% dos óbitos. A taxa de mortalidade caiu de 35,5% para 13,6% entre pessoas de 70 a 79 anos, praticamente todas imunizadas.

“Certamente é um indício bem forte de que a vacinação está fazendo exatamente o que nós esperávamos que ela fizesse: diminuísse em especial o número de óbitos entre os grupos imunizados”, disse a pesquisadora Mônica de Bolle, para a revista Veja. “No Brasil, já podemos ver isso com mais clareza, como acompanhamos antes em outros países”.

Até as 16h27 do dia 15 de agosto, o Vacinômetro indicava 31.100.972 pessoas protegidas com a primeira dose da vacina nos 645 municípios paulistas. São Paulo conta também com 27,85% da população com esquema vacinal completo. Foram 11.767.490 vacinados com duas doses dos imunizantes do Butanta, Fiocruz ou Pfizer e 1.125.127 receberam a dose única da Janssen.

 

O ritmo acelerado da vacinação em São Paulo é uma das metas do governador João Dória para ajudar o Brasil a controlar a pandemia do coronavirus. O calendário de vacinação já passou por três antecipações com ao menos uma dose. Dória estima que toda a população acima de 1s esteja vacinada com ao menos uma dose até a próxima semana.

São Paulo passará a oferecer vacinas para a população adolescentes. Incialmente para os jovens de 12 a 17 anos com comorbidades ou deficiências. E a partir de setembro, incluindo os jovens entre 15 a 17 anos. E previsto para serem aplicadas, entre os dias 6 a 12 de setembro, a vacinação para os adolescentes de 12 a 14 anos.

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››