09 julho 2021

Ex-prefeito é condenado junto com irmã e empresário a ressarcir a prefeitura

 

Ex-prefeito Charles foi condenado junto com a irmã e empresário a ressarcir a prefeitura em mais de R$ 5,3 milhões

O juiz Vinicius Nunes Abbud, de Urupês, proferiu sentença condenando o ex-prefeito Charles Nardachioni (ex-PT), sua irmã Jussara Adriana Nardachioni, o médico e ex-candidato a prefeito Aparecido Albertoni e Luis Henrique Machado do Amaral e duas empresas a pagarem multas e a restituir os cofres públicos pelos danos causados ao município. A ação por atos de improbidade administrativa foi ajuizada pelo Ministério Público e a decisão do juiz, com trânsito em julgado, cabe recurso agora ao Tribunal de Justiça.

O ex-prefeito, a irmã e o empresário foram condenados ao ressarcimento do valor integral dos contratos com as empresas Associação de energia Vital, A.ALbertoni & Cia Ltda, Associação Brasil Ideal e Medical Work Soluções em Gerenciamento Hospitalar Ltda. Segundo o juiz, todos cometeram atos de improbidade administrativa e deverão restituir integralmente o valor de R$ 5, 3 milhões, acrescido de juros e correção monetária. Além disso, o ex-prefeito, a irmã dele e o empresário terão seus direitos políticos suspensos por cinco anos.

As empresas condenadas, além de ter de ressarcir os cofres públicos também terão de pagar multas no mesmo valor dos prejuízos causados e ficarão impedidas de contratar com o serviço público. O ex-prefeito disse, por intermédio de um amigo, que seus advogados deverão recorrer da decisão e que em momento oportuno irá se manifestar. A irmã do ex-prefeito, o empresário e os diretores das empresas condenadas não foram localizados pela Folha do Povo para se manifestarem a respeito do assunto.

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››