23 junho 2021

PF deflagra a “Operação Cassiel” contra a pornografia infantil

 

Notebook e equipamentos apreendidos com arquivos contendo imagens de pornografia envolvendo crianças e adolescentes

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (23) a “Operação Cassiel”, que visa a reprimir a prática de crimes de pornografia envolvendo crianças e adolescentes pela internet. Dez policiais federais cumpriram dois mandados de busca e apreensão em imóveis residenciais em São José do Rio Preto com o objetivo de apreender arquivos de informática que possam conter vídeos ou imagens que caracterizam pornografia infantil armazenados e disponibilizados na rede mundial de computadores. Os mandatos foram expedidos pela 4ª Vara Federal de São José do Rio Preto.

Em um dos locais foi localizada grande quantidade de arquivos com conteúdo relacionado à pedofilia, motivo pelo qual o homem, dono do computador, foi preso em flagrante. Em outra residência foram apreendidos equipamentos de informática que serão analisados por peritos com mais profundidade.

O artigo 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) pune quem adquire, possui ou armazena fotografias, vídeos ou registros que contenham cenas de sexo ou pornográfica envolvendo crianças ou adolescentes. A pena para este tipo de crime é de reclusão, de um a 4 quatro anos, e multa.

            A Operação foi denominada de “Cassiel”, que é conhecido como o “Anjo das Lágrimas” - protetor dos fracos e oprimidos.

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››