10 junho 2021

Morre em acidente em Guarulhos motorista de caminhão de Bady Bassitt

 

 

Caminhão, dirigido por motorista de Bady Bassitt, tombou na avenida Paulo Freire, em Guarulhos (foto reprodução Diário Gru)

O motorista Aislan José de Souza, 38 anos, morador de Bady Bassitt, faleceu após o caminhão que ele dirigia se desgovernar e capotar num acesso entre as rodovias Presidente Dutra e Fernão Dias, em Guarulhos. A Polícia ainda está apurando as causas do acidente.

O fotógrafo Fernando Donizete, conhecido como Nando LHP, estava com seu veículo à frente do caminhão na rodovia e relatou que por pouco não foi atingido.

O caminhão, após desgovernar-se, capotou no acesso entre as Rodovias Presidente Dutra e Fernão Dias enquanto tentava ir para a Avenida Paulo Freire. O acidente ocorreu, logo no início da noite desta quarta-feira (9). O motorista não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

De acordo com fotógrafo que registrou o momento, motorista já vinha com o veículo desgovernado quando tentou fazer a curva no acesso rumo à Avenida Paulo Freire. “Eu estava na frente, uns 200 metros, eu ia entrar na Fernão Dias, ele vinha tentando sair dos carros que estavam na frente e possivelmente estava sem freio. Como estava com menos carros naquele sentido ele virou na Paulo Freire e capotou”, afirmou Donizete, em entrevista ao portal do jornal Diário Gru, de Guarulhos.

No local já chegaram várias viaturas dos bombeiros, da Polícia Militar e ambulâncias. Motoristas que trafegavam pelo local tiveram de desviar a rota, isto porque o trânsito ficou impedido por várias horas até o que caminhão pudesse ser removido da pista.  A Polícia Técnica também esteve presente no local para colher indícios que possam evidenciar as causas do acidente.

A notícia da morte do motorista colocou em choque familiares. “Ainda não sabemos ao certo a causa do acidente, parece que ele pode ter passado mal antes”, afirmou Cleiton Brocanelli, que é primo do caminhoneiro, à Folha do Povo. “Era super gente boa”, destacou Cleiton. “Um rapaz cheio de vida, tinha dois filhos e uma netinha de um ano. A mãe dele, coitada, está em desespero. Muito triste tudo isso”.

Pelas redes sociais, várias pessoas se manifestaram sobre a morte de Aislan. Gláucia Zaqueu escreveu que também era prima de Aislan. “Era um guerreiro e evitou tantas mortes nas rodovias. Era muito cuidadoso para dirigir. Estive com ele no domingo e tão cedo vai embora desta vida”.

O corpo de Aislan está sendo transladado para São José do Rio Preto onde, segundo familiares, deverá ser velado e enterrado nesta sexta-feira.

Polícia ainda apura as causas do acidente ocorrido na avenida Paulo Freire

Aislan tinha 37 anos e dirigia caminhão que após perder o controle capotou


0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››