26 abril 2021

Morre Deley, ex-presidente da Câmara de Mendonça, por covid-19

Deley, ex-presidente da Câmara dos Vereadores de Mendonça, foi mais uma das vítimas da covid-19 na cidade. Ele faleceu sábado aos 68 anos


O ex-presidende da Câmara de Mendonça, Wanderley de Mattis, 68 anos, o Deley, que exerceu o cargo de vereador durante quatro mandatos, faleceu no último sábado (25), vítima da covid-19. Deley, como era mais conhecido, era aposentado como servidor público. Durante muitos anos trabalhou como responsável pelo setor de água e esgoto na cidade.

Além do ex-vereador também faleceram, no último final de semana, outras três pessoas no município. Entre elas um rapaz de 32 anos. Desde que começou a pandemia, Mendonça já registrou 600 casos da doença e 20 pessoas morreram.

O secretário de Saúde do município, João Bazzotti, acredita que Mendonça foi uma das cidades da região que mais cresceu a população na última década. Ele afirma que como o governo está usando dados do último Censo não está vindo a quantidade de doses suficientes de vacina para a cidade. “Estamos com uma fase atrasada, ou seja, praticamente uma semana atrás em razão dessa defasagem dos números da nossa população”.

Brasil

O Brasil registrou 1.279 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas e totalizou nesta segunda-feira, dia 26, 392.204 óbitos desde o início da pandemia em março do ano passado. A covid-19 já matou mais brasileiros nos quatro primeiros meses de 2021 do que em todo o ano de 2020.

Em 113 dias deste ano foram registrados 195.949 mortes por covid-19, contra 194.976 em 289 dias da pandemia em 2020. O pais contabiliza 14.339.412 casos.

 Vacinas

O Brasil chegou a 38 milhões de vacinados contra a covid-119 nesta segunda-feira, dia 26. O número dos que receberam pelo menos a primeira dose do imunizante contra a doença, corresponde a 13,7% da população brasileira. 

Outros 12,6 milhões receberam as duas doses da vacina, de acordo com o que é recomendado pelos laboratórios responsáveis pela produção da vacina, a Coronavac e o Osford-AstraZeneca. 

Em relação a vacinação nos outros países o Brasil, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), está bem abaixo dos Estados Unidos, que já vacinou 229 milhões, da China com 225 milhões, Índia com 139 milhões e Reino Unido com 46 milhões.  


0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››