14 novembro 2020

Juiz proíbe realização de duas carretas no mesmo horário e libera a do PSD

 
Juiz proíbe carreata de Tobardini e libera a de Tuti. As duas estavam marcadas para o mesmo horário. Mas candidato do PSD levou vantagem porque registrou primeiro seu pedido para a realização do evento

O juiz da 126ª Zona Eleitoral, Adilson Araki Ribeiro, concedeu neste sánado, às 12h03, liminar proibindo que a coligação “Bady no Rumo Certo” (PSDB-MDB-Avante-Cidadania), que tem o prefeito Luiz Tobardini como candidato a prefeito, realize carreata no mesmo horário da carreata programada do candidato do PSD, João Eufrosino Teoodoro, o Tuti.

 O advogado de Tuti, Thales Carvalho Ramos Loureiro, ingressou com pedido de liminar solicitando que o candidato concorrente realizasse carreata no mesmo horário e itinerário. “Pelo que consta nos autos, há verossimilhança de que o candidato (Tuti) estaria em prioridade por ter comunicado com antecedência a autoridade policial, que rege o trânsito e segurança”, escreveu o juiz.  “Diante disto, levando em conta que a carreta é permitida no dia de hoje até a meia noite, todavia respeitadas as leis locais e observado o silêncio e sossego alheios, defiro a liminar visto a prioridade do representante no horário e percurso”.

 Em sua decisão, o juiz salientou ainda que se a coligação do prefeito desejar promover carreata terá que modificar horário e local de saída, bem como o percurso a fim de não interferir e gerar tumulto e insegurança entre os correligionários e simpatizantes das duas candidaturas. O juiz alerta ainda que em caso de desobediência, por parte do prefeito, ele poderá sofrer sanção pecuniária e investigação por conduta vedada e que pode gerar a perda de mandato, incluindo a suspensão dos seus direitos políticos por até cinco anos.

 A decisão do juiz foi comemorada no comitê de campanha de Tuti por seus apoiadores. “É mais uma vitória do Tuti sobre esse prefeito, que está com os dias contados na prefeitura”, afirmou Carlos Pereira, o Carlão, candidato a vereador que tem como bandeira defender a classe minoritária. Carlão é um dos quatro candidatos da raça negra, entre um total de 81 postulantes, que disputam uma das nove vagas na Câmara Municipal de Bady Bassitt.

 O juiz pediu também que a sua decisão fosse comunicada ao comandante local da Polícia Militar, para organizar o trânsito no momento da realização carreata do candidato do PSD. A Folha do Povo não conseguiu contato com representantes da campanha do prefeito Tobardini para saber se vão recorrer da decisão do juiz.

Decisão do juiz Adilson Araki Ribeiro foi dada às 1203 deste sábado

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››