23 setembro 2020

Quatro maçons da região participam como palestrantes da 25ª Jornada Maçônica

 

Luís Carlos Barnabé de Almeida será o conferencista na Jornada deste ano


Mais de 500 maçons de todo o Brasil devem participar, neste final de semana, da 25ª Jornada Maçônica do Brasil. Esta edição será a primeira digital promovida pelos organizadores e contará com 16 palestras, uma conferência na abertura e um debate no encerramento do evento. Entre os palestrantes estão quatro membros da Academia Rio-pretense Maçônica de Letras (ARML), que tem na presidência o empresário Vivaldo Mendes, de Olímpia.

 Vivaldo presidiu, no ano passado, a Jornada Maçônica do Noroeste Paulista e foi convidado pelo presidente da Associação que coordena a Jornada, José Renato dos Santos, para ajudar na organização do evento. Desde 1996, quando se realizou a primeira edição em São Paulo, integrando as comemorações dos 70 anos da Grande Loja Maçônica do Estado de São Paulo, a Jornada Maçônica se tornou referência cultural de estudos, pesquisas e conferências, abordando temas científicos, literários e históricos, entre outros.

 Na Jornada Maçônica deste ano a conferência de abertura será feita por Luiz Carlos Barnabé de Almeida, que é mestre em Administração, economista e jornalista com vários livros publicados que abordará a questão do crescimento com sustentabilidade e inovação. Logo em seguida começará o ciclo de palestras.

 Palestrantes da região

O professor e advogado rio-pretense José Tito de Aguiar Junior abre o ciclo com a palestra “Missão, Visão e Valores nas Lojas Maçônicas”. Outro advogado rio-pretense Alberto Gabriel Bianchi falará sobre “Perspectivas da Maçonaria para o Futuro”. O jornalista Nelson Gonçalves, também de São José do Rio Preto, falará sobre “A Importância da Música na Maçonaria”. O professor Walter Francisco Sampaio Filho, de Votuporanga, abordará sobre “A Maçonaria e Seus Princípios”. Todos são membros da Academia Maçônica de Letras da região. O presidente da academia, Vivaldo Mendes, falara sobre “Os Caminhos para uma boa organização de uma loja maçônica”.

 O evento é considerado de suma importância para os maçons de todas as partes do Brasil. “A Jornada começou grande em São Paulo e, dadas as várias sugestões, extrapolou os limites do Estado e hoje se tornou um evento nacional para a Maçonaria brasileira”, explica Vivaldo Mendes, acrescentando que agora sendo digital, o evento irá alcançar um público muito maior, atingindo talvez até maçons brasileiros que se encontram no Exterior.

 Os objetivos, porém, continuam os mesmos desde o princípio, que é o de levar conhecimentos e interação dos maçons de diversas lojas, potências e ritos espalhados pelo país. O público é formado por membros das lojas maçônicas. Para se inscrever é preciso informar o CPF e o número de cadastro, que após conferido junto as potências, será liberado o acesso, com senha, para que os interessados possam assistir as palestras e interagir com os demais participantes.

 Para se inscrever os maçons devem clicar no link abaixo: https://jornadamaconica.com.br/

Alguns dos membros da Academia Rio-prentense Maçônica de Letras (ARML), durante a posse do presidente Vivaldo Mendes



.


 

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››