19 agosto 2020

Rotary promove feijoada para ajudar Alma Autista

A presidente Mariza Judith mostra como foram entregues as feijoadas aos clientes
 


O Rotary Clube de Bady Bassitt realizou, no domingo (16), sob a presidência da professora Mariza Judith da Silva, a sua primeira Feijoada Beneficente em prol da instituição Alma Autista. Tomando todos os cuidados e precauções necessárias devido à pandemia do coronavírus, a feijoada, por ter sido a primeira, pode se considerar que foi um sucesso realizada pelo grupo de voluntários.

 A instituição Alma Autista presta assistência gratuita para 24 crianças que sofrem de autismo. A doença é um transtorno que afeta o sistema nervoso e prejudica a capacidade de se comunicar e interagir. A presidente da instituição, Daniela Pereira, em reportagem à Folha do Povo, no mês de fevereiro, contou ter acreditado na promessa do prefeito Luis Tobardini de que ajudaria a Alma Autista com a doação de uma área. Mas isso não aconteceu e a entidade paga cerca de R$ 1,3 mil de aluguel e passa por dificuldades para se manter.

 Por isso o Rotary, sabendo das dificuldades e do importante serviço prestado voluntária e gratuitamente pela Alma Autista resolveu promover essa feijoada para ajudar.  

Todos os rotarianos da cidade colaboraram, colocando literalmente as mãos para ajudar no preparo do ingrediente. A cozinha foi comandada pelo master-chef Amauri Buzzi e sua ajudante Jandira. “Todos os rotarianos ajudaram e foi muito bom essa integração”, afirmou a presidente Mariza.

 Confira baixo algumas fotos, feitas, durante o preparo da feijoada, no salão da associação Auto de Souza, que serviu como ponto de entrega, junto com as Aspectar em Rio Preto. 



















0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››