13 agosto 2020

O Brasil é o quinto pais que mais tem smartphones

 

Maioria da população possui pelo menos um aparelho de smartphone

Vinte anos atrás o professor Luiz Marins proferiu numa palestra, no ginásio de esportes do Esporte Clube Palestra, em São José do Rio Preto que iria chegar um dia em que ou as empresas estariam na internet ou não existiram mais. E com o advento da pandemia do coronavírus parece que esse dia já chegou para milhares de empresas brasileiras.

 Com as restrições da reabertura do comércio, muitas das empresas tiveram de se adaptar seus funcionários para o home office e a aprender a comercializar seus produtos em diversos canais pela internet. “Não teve jeito ou aprendíamos ou fechávamos nossas portas definitivamente”, afirmou Maria Conceição, dona de um pequeno restaurante, que passou a atender pedidos pelo whatsapp e por um site, criado às pressas, de última hora, para poder oferecer seus produtos à clientela.

 O Brasil é o quinto maior mercado de smartphones do mundo. Foi o país que mais cresceu em 2019 nas vendas desses aparelhos em comparação com o mesmo período do ano anterior, registrando aumento de 1,3%, com 10,8 milhões de unidades vendidas.

 Segundo dados do SindiTelebrasil (Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móveis de Celular), o Brasil alcançou 100 mil antenas de telefonia e internet móvel em operação em todo o País, o que representa crescimento de 6% desde maio de 2019, com a instalação de 5.612 novas antenas.

 Outro dado interessante é que quase 80% dos brasileiros fazem compras pelo smartphone, segundo pesquisa feita pelo Paypal. Os smartphones acabaram se tornando a opção mais barata de se ter acesso à internet e redes sociais.

 

Visionário professor Luiz Marins já previa, 20 anos atrás, que todas as empresas e profissionais
 teriam que estar na internet ou sumiriam do mercado

Pesquisa revela que 80% dos brasileiros já fizeram compras pelo celular

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››