30 abril 2020

Mara Gabrilli ajuda Mendonça e faz críticas à Bolsonaro

Mara Gabrilli ajuda Mendonça e faz críticas à postura do presidente Bolsonaro nas redes sociais



A senadora Mara Gabrilli (PSDB) destinou, por meio de emenda impositiva, R$ 100 mil para a Saúde em Mendonça. Psicóloga, formada pela USP (Universidade de São Paulo) e em Comunicação Social pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, Mara postou críticas nas redes sociais ao presidente Jair Bolsonaro.

Representante dos deficientes físicos no Congresso Nacional, a senadora foi uma das mais votadas nas eleições em Mendonça e também possui bom relacionamento no município, por fazer parte do mesmo grupo político do secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e do governador João Dória.

O vice-prefeito de Mendonça, engenheiro Juliano Oliveira (PSDB), esteve no gabinete da senadora graças à amizade com a assessora parlamentar Fátima Dutra, que trabalhou muitos anos na assessoria do ex-deputado federal Nelson Marquezelli (PTB) e por isso desfruta de bom trânsito em diversos gabinetes em Brasília.

Nas últimas eleições a Gabrilli, segundo Juliano, só ficou atrás na apuração dos votos em Mendonça do senador Major Olímpio (PSL). “Ela ficou satisfeita com a votação, de mais de 1.000 votos, obtidos em Mendonça e disse que espera retribuir, ajudando a cidade”, informou o vice-prefeito.

Críticas à Bolsonaro 

Nesta semana, após desdém do presidente Jair Bolsonaro com as mais de 5 mil mortes ocorridas no Brasil em razão do coronavírus, a senadora postou críticas à postura do presidente. “Mais de 5 mil vidas perdidas, pessoas sem emprego, sem comida, hospitais sem leitos, profissionais de saúde morrendo. Mas e daí? Se há um mal que pode destruir o mundo, esse mal é a indiferença. Aqui no Brasil a indiferença responde pelo nome Bolsonaro”.

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››