30 abril 2020

Luiz Flávio destinou verba para Mendonça, antes de falecer

Vereador Tatinho e o vice-prefeito Juliano Oliveira estiveram em Brasília com o deputado Luiz Flávio Gomes,
pouco dias antes dele falecer


Uma das últimas ações do deputado federal Luiz Flávio Gomes (PSB) antes de falecer no dia 1º de abril deste ano foi destinar, por meio de emenda parlamentar, verba de R$ 100 para custeio da Saúde em Mendonça. O parlamentar cumpria seu primeiro mandato e se tornou conhecido nacionalmente como advogado e fundador da primeira rede de ensino telepresencial da América Latina.

Seus cursos chegaram a ser transmitidos para cerca de 220 cidades brasileiras, distribuídos em mais de 450 unidades. Antes disso foi policial civil, delegado de Polícia, promotor de Justiça e juiz de Direito em São Paulo.

O vice-prefeito de Mendonça, engenheiro Juliano de Oliveira (PSDB), lamentou a morte do deputado. “É uma triste notícia para o Brasil”, disse, acrescentando que o País perdia um homem honesto, trabalhador e dedicado em fazer o melhor para todos.

Juliano lembra do dia em que esteve no Congresso Nacional e conheceu o deputado quase por acaso.  “Uma das coisas que me impressionou, no gabinete dele, foi a frase ‘Educação e Progresso’ estampada num quadro no meio da bandeira do Brasil. Uma frase simples, mas que diz muita coisa. E desde então carrego sempre comigo essa frase”.

Juliano esteve no gabinete de Luiz Flávio Gomes junto com o prefeito Antonino Caetano de Souza, o Sabiá (SD) e do vereador Alessandro Oliveira, o Tatinho (PSDB). O Vice-prefeito lembra que durante a conversa com Luiz Flávio ele contou que atuou como promotor em Mirassol. 
Vereador Tatinho, vice-prefeito Juliano, deputado Luiz Flávio e o prefeito Sabiá diante do quadro com a bandeira

Ofício do deputado informando sobre a liberação da verba de R$ 100 mil à Mendonça


0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››