23 março 2020

Prefeitura de Nova Aliança concede abono para servidores da Saúde


 
Prefeito Vandil grava vídeo em seu gabinete para agradecer funcionários da Saúde
O prefeito de Nova Aliança, Vandil Baptista Casemiro (PDT), gravou vídeo para informar à população que concedeu abono de R$ 300 a todos os funcionários do setor da Saúde do município. A gratificação, segundo o prefeito, foi a forma encontrada pela Prefeitura para retribuir o empenho dos funcionários do setor.

No vídeo, gravado em seu gabinete, com a imagem de um crucifixo ao fundo, Vandil destaca que “os funcionários da Saúde, em especial os de Nova Aliança, vem lutando, trabalhando com muito empenho e dedicação todos os dias. São esses profissionais que estão na linha de frente na batalha contra o coronavirus”.

Até o momento a cidade de Nova Aliança não registrou nenhum caso suspeito da doença. “Como forma de valorização e gratificação aos profissionais da Saúde enviamos à Câmara projeto de lei e os vereadores aprovaram o abono. Quero agradecer aos vereadores que votaram a favor. Durante os meses de abril e maio vamos conceder esse abono de 300 reais a mais no salário para todos os funcionários da Saúde, desde os médicos, enfermeiros, auxiliares, motoristas, faxineiros, etc. E se vier a persistir essa situação do coronavirus, esperamos que isso não aconteça, vamos prorrogar esse abono por mais meses”.

Destacando que os funcionários da Saúde são os verdadeiros heróis dessa batalha, o prefeito Vandil pediu apoio da população para ajudar no combate dessa doença e também para rezarem por esses profissionais.

Vandil disse que está tomando todas as precauções necessárias para que o vírus não se alastre em Nova Aliança. Informou que desde a semana passada já suspendeu as aulas em todas as escolas da cidade e determinou o fechamento das piscinas públicas, do estádio e ginásio de esportes. Todas as atividades esportivas, como natação, escolinha de futebol, basquete, capoeira, aulas e cursos no Centro de Convivência do Idoso (CCI) estão suspensas.

O prefeito ressaltou que a única coisa que continua funcionando é a cozinha piloto, que está fornecendo alimentação para os alunos e idosos necessitados. O transporte de pacientes para hospitais das cidades vizinhas também ficou bastante restrito e os veículos da prefeitura não estão mais transportando acompanhantes.

Preocupação

A preocupação do prefeito é com alguns moradores que não estão colaborando em relação pedido de isolamento social determinado pelas autoridades da área da Saúde. “No sábado peguei meu carro para dar uma volta pela cidade e constatei que as ruas realmente estão vazias, mas deparei com quatro festas em residências, aglomerando pessoas e colocando em risco a saúde das pessoas”, observou o prefeito, acrescentando que a população também precisa colaborar para esse período de quarentena.

Vandil disse que não determinou o fechamento do comércio e nem das indústrias no município porque a situação ainda está sendo controlada. “Não existe justificativa para decretarmos estado de calamidade pública, como em outros lugares”. Ele informa que mantém contato diariamente com os responsáveis das indústrias que estão em funcionamento no município, principalmente com o frigorífico Nutribem, que fornece frango para o Hospital do Amor de Barretos.

“Os cuidados com a limpeza estão sendo redobrados e não queremos causar transtornos para os comerciantes e empresários, principalmente para os pequenos”, salientou o prefeito. “No prédio da prefeitura liberamos aqueles que podem estar em situação de risco e estamos pedindo para o atendimento seja bem breve, para não colocar em risco a saúde do funcionário e das pessoas atendidas”.

Aumento no tíquete

O prefeito informou também que concedeu aumento de 6,07% no valor do tíquete alimentação para todos os cerca de 300 funcionários públicos municipais. O tíquete foi aumentado agora para R$ 350.

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››