01 outubro 2018

Acomac faz festa prá ninguém botar defeito

Público lotou as dependências do novo salão do Centro Social do Parque Estoril

 Uma festa prá ninguém botar defeito. Assim foi o almoço com “Porco a Paraguaia” organizada pela diretoria da Associação dos Comerciantes de Materiais de Construção (Acomac) de São José do Rio Preto e Região, ocorrido neste domingo, dia 30. O evento aconteceu no novo salão de festas do Centro Social Estoril.

O presidente da Acomac, o empresário Milton de Carvalho, da Hidraurio, recebeu a todos com largo sorriso no rosto e de braços abertos. Estiveram presentes comerciantes e familiares, principalmente os ligados ao ramo de materiais de construção, de diversas cidades, como Fernandópolis, Jales, Sales, Santa Fé do Sul, Catanduva, Mirassol e de São José do Rio Preto.

O “Porco a Paraguaia” é um prato de sucesso na região de Pratânia, no Paraguai. Segundo historiadores, o modo de preparo dessa iguaria vem do tempo em que as tropas de Solano Lopez invadiram o Brasil, dando início à Guerra do Paraguai, em 1864.

Os paraguaios ensinaram os brasileiros da fronteira como preparar a iguaria. A receita foi adaptada no decorrer dos anos ao gosto dos sulistas de origem alemã e italiana que colonizaram a região com o uso de temperos fortes, além de sal e limão, os dois únicos ingredientes ainda hoje adotados pelos assadores mais conservadores.

O porco à moda “paraguaia” passou por varias adaptações no sul do país. Aos poucos, a receita foi levada por gaúchos, catarinenses e paranaenses para outros Estados. O preparo é relativamente simples, porém requer muito cuidado e paciência, já que leva 18 horas para ficar pronto.

Depois de pronto é difícil de explicar como fica saboroso o prato. A carne assada no ponto exato, a pururuca estalando na boca e o recheio derretendo junto. É indescritível o sabor desse delicioso prato.

Estoril

O presidente do Centro Social do Parque Estoril, o advogado Manoel Neves Filho, compareceu à festa da Acomac e destacou o apoio recebido de inúmeros comerciantes do ramo de construção para que pudesse concluir as obras do novo salão. “Se não fosse a ajuda e o apoio imprescindível recebido desse pessoal esse salão não estaria pronto”, declarou, acrescentando que a ajuda do presidente da Acomac, Milton de Carvalho, foi fundamental.

O Centro Social do Parque Estoril atende famílias carentes, crianças e idosos. Há 48 anos mantém a Creche Irmã Julieta com 250 crianças, oferece cestas básicas para 60 famílias necessitadas e presta atendimento a 110 idosos, além de oferecer cursos de informática, dança de salão, música, teatro, artesanato e trabalhos manuais.

As atividades desenvolvidas pela entidade visam proporcionar meios para favorecer o integral desenvolvimento de famílias carentes, buscando ações efetivas voltas ao resgate à cidadania e à dignidade. 

Acomac

A Acomac mantém projetos que estimulam o estreitamento comercial entre a indústria e o comércio de material de construção. Além de promover ações em prol do desenvolvimento do setor, como cursos, palestras, encontros empresariais, eventos sociais e esportivos.

“Todos os projetos são viabilizados por meio de parcerias e é sempre motivo de grande alegria e orgulho para a Acomac poder divulgar as parcerias”, afirma o presidente Milton de Carvalho, que fez questão de agradecer a presença de todos que estiveram presentes no almoço do “Porco a Paraguaia”.

Confira abaixo em algumas fotos o que foi essa festa da Acomac: 

Amplo estacionamento, sem cobrança de ingresso e sem flanelinha garantiu a segurança dos veículos 





















































































0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››