08 novembro 2017

Elas pintam, bordam e costuram para gerar renda para as famílias

Zezé mostra "puxa-saco" confeccionado no Projeto "Entre Linhas"

Mulheres de Uchoa estão vencendo o desemprego e a ociosidade com a realização de atividades de costura e bordado. O projeto de geração de renda “Entre Linhas” funciona no bairro São Miguel, onde antes estava instalada uma escola, e conta com apoio da Prefeitura.

Maria José Moreira Lopes e Maria José Coimbra, as duas Zezés, são craques nas agulhas. A primeira na de crochê e a segunda na de costura e otimização de roupas. Todos os dias chegam logo cedo no local, denominado de espaço “Ovídio Bernardes Correia” colocam literalmente as mãos às obras.

Junto com Ana Maria Lourenço Custódio, especialista em bordados, elas ensinam as técnicas para quem deseja aprender. “Sentimos a falta de jovens que não são mais prendadas como antigamente”, reclama Zezé Moreira. Elenice Aparecida Braz, que já é avó, é uma das alunas das professoras.

Zezé Coimbra conta que desde os 13 anos aprendeu a costurar. “Aqui a gente aproveita tudo, não perdermos nada e aproveitamos todos os retalhos de tecidos”. Com os retalhos são confeccionadas colchas, fronhas, capa de botijões de gás e para galões de água.


Periodicamente em conjunto com o Fundo Social de Solidariedade elas promovem um bazar para a venda das peças produzidas, assim como um bazar da pechincha para comercializar as roupas doadas pelos moradores para famílias carentes. 






0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››