02 novembro 2017

Adolfo terá intensa atividades para comemorar aniversário da cidade

A cantora Aline Barros, um dos principais nomes da música gospel, faz show no dia do aniversário da cidade

A última semana de novembro e a primeira do mês de dezembro serão de intensas atividades em Adolfo para comemorar o 58º aniversário da cidade. A exposição de orquídeas nos dias 25 e 26 de novembro, no ginásio de esportes Hélio Lippa, abre as festividades de aniversário.

No dia 26, domingo, a partir das 10 horas, acontece a tradicional Cavalgada dos Amigos, seguida de almoço com comidas típicas da região no recinto de exposições. No dia 27, segunda-feira, tem início a Gincana Escolar que envolve todos os estudantes das escolas do município.

E no dia 30 de novembro, data do aniversário da cidade, haverá show, com entrada franca, com a cantora Aline Barros, um dos mais importantes nomes da música gospel que já vendeu mais de 15 milhões de discos, com vários discos de ouro, platina e diamante. Aline já foi indicada para várias premiações internacionais, sendo oito de “Melhor Album de Musica Cristã em Lingua Portuguesa” e duas de língua espanhola, ganhando inclusive o Grammy Latino, concedido pela Academia de Música e Artes Cristãs do México.

E no dia 1º de dezembro começa o Adolfo Rodeio Show com apresentação da dupla Divino & Donizete e no dia 2 a dupla Fernando & Sorocaba animará a festa, encerrando as festividades comemorativas ao aniversário da cidade. A locução dos rodeios ficará a cargo dos  experientes Barra Mansa e Della Morena.

História
A história da cidade que cresceu em torno da igreja matriz começou, na verdade, com um pastor protestante chamado Vitório Voltolini. Foi ele quem, em 1936, adquiriu uma gleba de terra para lotear e formar o primeiro núcleo de casas.

Ezequiel Vieira, outro protestante amigo do pastor Voltolini, construiu a primeira casa e inaugurou seu armazém, primeiro estabelecimento comercial das redondezas. O vilarejo foi batizado com o nome bíblico de Jericó, que hoje é um dos bairros do município.

Em 1941 o fazendeiro Adolfo do Amaral Mendonça doa parte de sua propriedade, próxima ao vilarejo já existente, para que os moradores católicos erguessem uma capela, tendo como padroeiro São José. O padre João Nolte celebrou a primeira missa.

Os protestantes também inauguravam seu templo, que também servia de escola primária para que as primeiras professoras do município, Odila Bovolenta de Mendonça e Edit Assis, ensinassem as primeiras letras para os moradores, a maioria ainda analfabetos.

Em pouco tempo o vilarejo cresceu, transformou-se em distrito já com o nome de Adolfo e começou a rivalizar-se com o também distrito de Mendonça. A independência para os dois distritos chegou em 1959, sendo ambos instalados oficialmente em 1º de janeiro de 1960.

A dupla Fernando & Sorocaba volta à Adolfo para fazer o encerramento das festividades do aniversário da cidade

A dupla Divino & Donizete abre o Adolfo Rodeio Show no dia 1º de dezembro

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››