sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Vereadores querem saber por que prefeito mandou retirar obelisco do Rotary



Funcionários da Prefeitura retiram monumento em homenagem ao Rotary para plantar palmeira no local


A Câmara Municipal de Bady Bassitt aprovou por unanimidade requerimento apresentado pelo vereador Airton da Silva Rego (PSDB) para que o prefeito Luis Tobardini (PPS) informe quais os motivos que levaram a inusitadamente mandou retirar o obelisco com o marco rotário na entrada da cidade. No requerimento, Airton, que foi um dos fundadores e o primeiro presidente do Rotary Clube em Bady Bassitt, informa que o local onde estava instalado o obelisco nem pertence à Prefeitura.

“É área de domínio da União, sob a concessão à empresa Triunfo, e a instalação do monumento foi feita com a devida autorização do DNIT e da concessionária”, esclareceu o vereador tucano, acrescentando que a retirada do obelisco repercutiu negativamente para a cidade em diversos órgãos da imprensa regional e também várias outras instituições congêneres.

Em seu pronunciamento na tribuna da Câmara, Airton lembrou que o Rotary tem prestado relevantes serviços à cidade, com destaque ao combate à poliomielite. O Rotary, segundo o vereador, se encontra presente em mais de 45 mil cidades de 217 países nos cinco continentes. “Para Bady Bassitt o Rotary fez doações de vans, ambulância, ônibus-biblioteca, máquinas de fraldas, bebedouros de água, aquecedor solar, entre tantas outras benfeitorias”, afirmou o vereador.

O presidente da Câmara, Adalmur Imada, o Patão, endossou as palavras do vereador tucano e também frisou que o Rotary e os rotarianos são muito importantes para o município. O vereador Márcio Elias dos Santos, popular Marmitão,  saiu em defesa do prefeito, alegando que tinha conversado com uma das representantes do clube. “Ela me informou que foi feito um acordo com o prefeito e que o obelisco foi retirado e será recolocado”.

O vereador Airton disse que não quer saber do acordo feito depois que foi removido e sim porque o obelisco foi retirado sem qualquer tipo de comunicação ao Rotary e à comunidade.

Repercussão 

O governador do Distrito 4480 do Rotary Internacional, Antonio Cavichia, também ficou surpreendido com a retirada abruptamente do marco rotário da entrada da cidade. Disse que assim que tomou conhecimento do fato tentou entrar em contato com o prefeito, mas não conseguiu contactá-lo.

Marco rotário foi substituído por uma simples palmeira na entrada da cidade de Bady Bassitt

Sessão em que vereadores de Bady Bassitt votaram pedido de explicações por parte do prefeito


0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››