segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

Voluntários se reúnem para fundar lar de idosos em Bady Bassitt



Um grupo de voluntários, engajado para construir em Bady Bassitt o Lar Moisés Natalino para abrigar idosos, promove reunião nesta quarta-feira (27), no salão de festas do condomínio Jardim Botânico. Existem na região muitos idosos carentes que não tem onde ficar.  O Condomínio Jardim Botânico fica nas margens da BR-153, entre o motel Valentino e o tradicional bar da Porcada.

A idéia surgiu, segundo Messias Sabino, um dos diretores do Grupo Fama, após ele e o contador Moisés Natalino promoverem uma festa dois anos atrás para ajudar o Lar São Vicente de Paulo de Potirendaba, asilo que abriga cerca de 30 idosos carentes.

Moisés Natalino era um dos mais entusiasmados para construir em Bady Bassitt um lar para velhinhos e velhinhas carentes. Mas uma infecção hospitalar, após ser hospitalizado para cuidar de uma forte gripe, que se transformou em pneumonia, o levou à morte, sem antes ver seu sonho concretizado.

 Por isso esse grupo de voluntários não pensou duas vezes em homenageá-lo colocando o nome do contador no futuro lar de abrigo aos idosos. “Ainda teremos muito trabalho pela frente para tornar esse sonho em realidade”, afirma Messias, acrescentando que não existe nenhum vínculo político e muito menos lucrativo com a construção desse lar para os idosos.

O filho do contador Moisés Natalino, o advogado Rafael Natalino, e a esposa Wandelli Angeloni, surpresos com a homenagem ao pai e ao marido, também já se engajaram ao projeto. “Agradecemos a lembrança e o carinho”, disse Wandelli, acrescentando que sabia da idéia do Moisés e lembra até hoje do dia em que ele conversou com o empresário Messias Sabino sobre o assunto. “Ficamos muito agradecidos por darem continuidade a esse projeto e agora honrada por colocarem o nome dele”.

2 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››