domingo, 19 de agosto de 2018

Comitiva vai cavalgar 130 quilômetros com destino à Festa do Peão de Barretos


Cavaleiros, entre eles o empresário Norival Tosta (segundo a esquerda) saem na cavalgada


Uma viagem de aproximadamente de 130 quilômetros com duração de mais de 40 horas. Este é o tempo aproximado que 20 cavaleiros da Comitiva Água do Peão, de São José do Rio Preto, vão levar para completar o percurso até Barretos para participar da 63ª Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos. A viagem, que poderia ser feita em pouco mais de uma hora de carro, será realizada em cinco dias em lombos de mulas e burros.

A comitiva realiza a viagem com destino a Barretos por 10 anos seguidos. Segundo Milton Liso, um dos organizadores da Comitiva Água do Peão, o trajeto faz parte de uma tradição familiar. “A comitiva foi fundada em 1962 por meu pai (José Liso Segundo) e procuramos seguir essa tradição que envolve toda família”, aponta.

Dos 20 cavaleiros presentes no trajeto até o Parque do Peão, dentre amigos e participantes, dois deles são especiais na vida de Milton Liso. O filho Milton Liso Júnior e o neto Guilherme Rocha integram o grupo na viagem. “Fico contente em ver a dedicação e a felicidade deles em participar desta viagem. Meu neto tem apenas seis anos e, e inclusive, gosta de tocar berrante”, conta o orgulhoso avô.

Outro participante cativo da comitiva é o empresário Norival Alves Tosta, pai do também cavaleiro Vincius Tosta, campeão por várias vezes nas provas do laço em diversas festas do peão. Norival diz que é um imenso prazer participar da cavalgada, que além da amizade com os participantes vai fazendo novas amizades por onde passa a tropa. “Na sexta o pessoal pouso no sitio da família Carvalho, na estrada da Boiadeira, em Guapiaçu, e foi aquela festa, quando pudemos rever amigos de longa data que não víamos a muitos anos”.


Na Festa do Peão, a comitiva participa do tradicional concurso da Queima do Alho, festival gastronômico que elege o melhor prato típico do tropeiro. Bicampeã do festival (2011 e 2015), a Comitiva Água do Peão está entre as classificadas para final do concurso que será realizado neste ano no Parque do Peão.

“Participar do concurso Queima do Alho é motivo de orgulho para nossa comitiva, pois o festival tem essa finalidade de manter viva a tradição culinária dos tropeiros”, destaca o comissário Milton Liso.










0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››