quarta-feira, 18 de julho de 2018

Duas Delegacias são furtadas na Grande São Paulo

Delegacia de Polícia é alvo de furto dos bandidos

Em uma semana, duas Delegacias de Polícia foram furtadas na Grande São Paulo. Os assaltos ocorreram no período noturno, quando os estabelecimentos estão fechados. O primeiro crime aconteceu na cidade de São Bernardo, o segundo, na madrugada de ontem, em Taboão da Serra. É uma situação inadmissível.

A má gestão do Governo de São Paulo nos últimos 20 anos sucateou a Polícia Civil, agigantou o déficit de funcionários, envelheceu a frota e não cuidou como deveria dos prédios das delegacias, alguns, caindo aos pedaços. Agora, como num último suspiro, as delegacias passam a ser alvos de criminosos, que aproveitam a falta de policiais à noite, pois os DPs fecham, para furtarem armas, materiais de papelaria, computadores e outros objetos. Não se pode aceitar tal descalabro.

O Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo e a Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo repudiam com veemência tal situação e exigem do secretário de segurança pública uma medida imediata para evitar que novos furtos atinjam Delegacias de Polícia que jamais deveriam ser alvo de criminosos, mas sim o lugar correto para o seu indiciamento e prisão.

Se nem a Delegacia de Polícia do estado mais rico da federação está livre da insegurança pública a que nos submeteu os governos dos últimos vinte anos, o que podem esperar os cidadãos de bem?

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››