terça-feira, 17 de abril de 2018

Márcio França recebe comunidade libanesa no Palácio dos Bandeirantes

Encontro reuniu 40 lideranças empresariais e políticas. Um voo direto para a capital libanesa foi um dos temas do encontro.

O governador Márcio França recebeu representantes da comunidade libanesa de São Paulo no Palácio dos Bandeirantes na tarde desta terça-feira, 17. Na audiência estiveram lideranças como Issam Sidon, presidente da Associação dos Empresários Libaneses do Brasil, o Xeique Mohamed Morghrabi, da Mesquita Brasil, o presidente da União Nacional das Entidades Islâmicas, Jamel Bacha, o presidente da Academia Árabe de Letras, Khaled Mahassen, o secretário do Meio Ambiente de Guarulhos, Abdo Mazloum, o ex-prefeito do Guarujá, Farid Madi, e o ex-prefeito de Juquiá, Merce Hojeije.

Issam Sidom fez uma homenagem à primeira-dama Lúcia França, que tem ascendência libanesa, de quem ele foi aluno. "Cada letra que eu aprendi foi com sua esposa; por isso, fiz questão de escrever cada letra do meu discurso de hoje", afirmou o empresário.

O governador pediu o empenho de todos para a implantação de um voo direto entre São Paulo e Beirute. O Brasil tem a maior comunidade libanesa no mundo e a maior parte de seus descendentes está em São Paulo. Por isso, para Márcio França, a ligação direta poderia aumentar os laços entre os dois países irmãos: “Espero que os senhores se dediquem a isso, precisamos dessa linha para facilitar as nossas relações”.





0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››